Negociação com empresas de Rádio e TV será na quarta-feira (3)

A rodada de negociação da Campanha Salarial de Rádio e TV, que estava prevista para quarta passada (24), foi transferida para o dia 3 de março. O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo atende a solicitação do sindicato patronal.

O pedido pelo adiamento veio na sexta-feira (19), dia seguinte à mobilização na qual a categoria vestiu preto para manifestar sua indignação com a proposta que reduz o valor dos salários, e para reivindicar reposição inflacionária de 5,2% e manutenção da PPR.

Também foi na data seguinte ao dia em que os jornalistas de Jornais e Revistas da Capital fecharam acordo com reajuste pela inflação e multa da PLR. Dessa forma, as outras duas negociações de convenções coletivas de trabalho negociadas pelo Sindicato dos Jornalistas de SP (jornais e revistas da capital e do interior) foram concluídas com a preservação do valor dos salários e manutenção da PLR.

Até lá, seguimos firme na nossa campanha.

Clique aqui e saiba mais sobre a campanha salarial de rádio e tv.