Sindicato patronal “enrola” para assinar acordo de Jornais e Revistas do Litoral e Interior

Algumas empresas de jornais e Revistas do Litoral e Interior de São Paulo ainda não reajustaram os salários dos seus profissionais formalizado em acordo coletivo, no mês de...

percentual

Algumas empresas de jornais e Revistas do Litoral e Interior de São Paulo ainda não reajustaram os salários dos seus profissionais formalizado em acordo coletivo, no mês de novembro, entre o sindicato patronal e o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo. O acordo já assinado pelo SJSP está nas mãos do sindicato patronal para ser homologado no Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), conforme prevê a lei.

A maioria das empresas pagaram seus profissionais de acordo com os novos valores, já que a data-base da categoria é 1º de junho. Mas, em contrapartida, algumas insistem em esperar o depósito do acordo junto MTE. As empresas que ainda não reajustaram os salários terão que fazê-lo retroativo a data-base em uma única parcela.

O Sindicato solicita que os trabalhadores que ainda não estão recebendo os salários reajustados entrem em contato com a entidade relatando a ausência do acordo. Este contato pode ser realizado através do e-mail diretoriaexecutiva@sjsp.org.br ou jornalista@sjsp.org.br

O acordo realizado entre o Sindicato dos Jornalistas e o dos patrões prevê reajuste de 7,34% (0,85% de aumento real) para Jornais e Revistas do Litoral e Interior. Com base neste acordo, os trabalhadores que realizam jornada de trabalho de 5 horas passaram a receber R$ 1.710,00 e os que realizam 7 horas R$ 2.736,00, a título de salário.