Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial emite nota de repúdio ao texto do jornalista Daniel Castro

Em texto, o jornalista contabilizou erros da jornalista e apresentadora negra Maju Coutinho

Por Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial de São Paulo (Cojira-SP)

A Comissão de Jornalistas pela Igualdade Racial (Cojira SP) do Sindicato dos Jornalistas no Estado de São Paulo declara seu repúdio à atitude do jornalista Daniel Castro que, em nota publicada recentemente em sua coluna Notícias da TV, fez uma espécie de contabilidade de erros de Maju Coutinho à frente do Jornal Hoje, anunciando uma suposta inquietação na cúpula da Rede Globo com relação a isso. Como já foi apontado em diversas manifestações de solidariedade à jornalista, é comum apresentadores errarem e nem por isso são feitas semelhantes apurações. Também acreditamos que numa sociedade que invisibiliza o negro, brancos erram, brancos são racistas em frente às câmeras e recebem segunda chance. Esses erros não são potencializados ao descrédito.

Sendo assim registramos aqui o apoio da Cojira a Maju Coutinho, contra uma infeliz manifestação, que só pode ser explicada pelo racismo e que torna a jornalista parte de uma raríssima estatística de apresentadoras negras na TV. A Cojira SP acredita e trabalha para que num futuro próximo mais mulheres como Maju tenham a possibilidade de ocupar as bancadas dos telejornais, independente do quanto isso incomode a casa grande.