Confira o calendário da Campanha Salarial de Rádio e TV 2018-2019

Participe das reuniões nos locais de trabalho para aprovação da pauta

Por Flaviana Serafim - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) dá início à Campanha Salarial de Rádio e TV 2018-2019 nesta terça-feira (9), com a discussão da pré-pauta com a categoria nas redações e locais de trabalho. A data base é em 1º de dezembro.

Confira o calendário e participe do debate na sua redação: 

10/10 (quarta-feira) 
11h30 - CBN
13h e 15h - Rede Globo

11/10 (quinta-feira)
15h - Gazeta e Rede TV
17h - SBT

15/10 (segunda-feira)
10h - Jovem Pan
12h30 e 14h30 - Rede Bandeirantes

16/10 (terça-feira)
13h - Rede Record

17/10 (quarta-feira)
13h - ESPN

A assembleia geral para aprovação final da pauta de reivindicações é no dia 17 de outubro (quarta-feira), às 19h, na sede do Sindicato (Rua Rego Freitas nº 530, sobreloja, no centro paulistano). No dia 18 (quinta-feira), às 12h, tem outra assembleia na sede e também nas regionais do SJSP em todas as regiões do estado (confira os endereços). A entrega da pauta às empresas é no dia 19 (sexta-feira).

> Confira a íntegra da pré-pauta 2018-2019

A diretoria do Sindicato vai propor à categoria a possibilidade de reivindicar ganho real para compensar as perdas, além de debater qual posição tomar frente aos direitos atingidos pelo ataque patronal da campanha passada.

Os sindicalistas também avaliam que é o caso de insistir na luta contra mudanças da "reforma" trabalhista, como o reconhecimento da jornada para trabalhadores em home office, que foi conquistado recentemente no setor de Jornais e Revistas da capital. 

Para a direção do SJSP, apesar das dificuldades enfrentadas na última campanha devido à intransigência e à tentativa patronal de retirar direitos, os jornalistas de rádio e TV mostraram que têm unidade, participação e resistência.

Os dirigentes do Sindicato reforçam que essa união e mobilização são imprescindíveis também na campanha salarial que começa agora, pois tudo indica que o cenário estará ainda mais complexo, mas a resistência que os jornalistas já mostraram pode crescer ainda mais.

Leia mais no boletim Mural

Alterado em 09/10/2018, às 9h53, para acréscimo de informações.